O que devemos saber para o transporte de cães?

Quem tem animal de estimação – cães ou gatos – em casa sabe como eles nos proporcionam momentos de alegria e felicidade, motivo pelo qual devemos também oferecer o que está ao nosso alcance para garantir seu bem-estar e sua segurança.

Por isso, o ideal é adotar ou comprar pets apenas se for possível dar a eles tudo o que necessitam para se sentirem bem e aconchegados.

Além de serviços de higiene, como o banho e a tosa, é importante se preocupar também com a maneira correta de transportar os pets quando em uma viagem. Isso porque a experiência que para nós é normal pode se tornar um estresse para eles.

Já quem está investindo no segmento de pet shop deve se atentar, ainda, para os itens mais corretos a serem instalados no local de atendimento.

Tendo isso em mente, reunimos no artigo que você confere logo adiante algumas dicas essenciais para promover mais proteção e felicidade aos animais de estimação que nos acompanham no passar dos anos. Além disso, compilamos também informações imperdíveis para os empreendedores do segmento de artigos para pets.

Banho e tosa

Os animais com pelos, como é o caso dos cachorros e dos gatos, devem estar devidamente higienizados para que não peguem contaminações e doenças, além de evitar que o ambiente onde eles vivem fique impregnado de sujeira. Isso porque os pelos acumulam muitas partículas com o decorrer do tempo.

A frequência indicada do banho, por exemplo, pode variar de acordo não só com o porte do animal mas também conforme a sua espécie. Isso porque os gatos, no geral, tomam banho sozinhos, lavando-se com a própria língua, e podem reagir de forma bastante estressante quando submetidos a uma ducha.

Já os cachorros, embora muitos também não gostem da experiência de serem lavados ou tosados, demandam cuidados que variam conforme seu porte e o local onde vivem. Cães pequenos que moram em apartamentos costumam necessitar de higienização com menos frequência, já que se sujam menos.

As gaiolas para banho e tosa são alguns dos artigos que não podem faltar em um estabelecimento especializado nesse tipo de serviço.

Elas são inofensivas para os animais e servem apenas para a sua contenção durante uma atividade que os cães não consideram agradáveis, por isso acabam se estressando, embora saibamos que elas são essenciais para o seu bem-estar.

Demais itens importantes

Outros itens também são necessários nesse contexto. O dispenser de ração para pet shop, por exemplo, é ideal para garantir mais praticidade e agilidade na venda de alimentos para cães, gatos e peixes. Isso porque eles garantem o acesso ao produto de forma otimizada e facilitam na hora da compra.

Já os expositores, que são ainda mais práticos e eficazes quando são feitos em materiais resistentes e que oferecem níveis elevados de transparência, de modo que o consumidor pode verificar o produto e optar mais confortavelmente, também não podem faltar. Um expositor promove mais dinamismo no cotidiano do segmento.

Transporte

Muitas pessoas têm dúvidas sobre a maneira mais correta de transportar animais de estimação durante viagens de curta ou longa distância. No caso de quem está indo para outra região utilizando o transporte coletivo, é importante consultar o regulamento da companhia escolhida.

No geral, o transporte de cães é permitido e exige apenas que ele não seja submetido a nenhum tipo de estresse durante a viagem. Além disso, é preciso também garantir que as demais pessoas no local estarão protegidas. Sendo assim, o ideal é utilizar caixas  e bolsas especializadas, de preferência acolchoadas, promovendo vantagens como:

  • Conforto e aconchego;
  • Bem-estar e segurança;
  • Redução do estresse;
  • Estabilidade.

Existem diversos modelos, tamanhos e cores de caixas. O ideal é que uma caixa de transporte seja segura e composta por um material que não coloque em risco a qualidade de vida do pet e que ele não possa danificar durante a viagem.

Além disso, vale lembrar que é de extrema relevância utilizar as paradas para que os animais possam se exercitar, pois, diferente dos humanos, muitos precisam estar em movimento regular para não se sentirem nervosos ou estressados.

Agora que você conhece as melhores formas de cuidar do seu pet, que tal levá-lo para um passeio animador? Lembre-se de manter as vacinas em dia, levá-lo regularmente ao médico veterinário e oferecer sempre atividades que tornem sua vida mais alegre.

Deixe uma resposta